Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

A estátua do «Porto».

 

Estátua do «Porto»

 

Hoje, 09 de Abril de 2013, tive de ir levar uma encomenda à Rua de Sá da Bandeira, logo ali no início, junto à Igreja dos Congregados. Como tinha de ser de viatura automóvel, desci a Rua de Camões e a Avenida dos Aliados. Qual não é o meu espanto quando, ao passar em frente ao Banco de Portugal, na Praça da Liberdade, a minha atenção foi «perigosamente» desviada por algo de novo que ali estava implantado. Pareceu-me, assim de repente, ser a estátua do «Porto». Confirmo agora aqui no nosso blogue, através da publicação do António, que a minha vista não me enganou. A estátua do «Porto»está, finalmente, onde sempre deveria estar, ou seja, implantada num local e numa

Câmara Municipal do Porto com a estátua do «Porto»

 

posição que revela o local onde nasceu, ou melhor, o local público onde foi primitivamente apresentada: o edifício da Câmara Municipal do Porto que existiu entre a Rua de Sampaio Bruno e a Rua da Fábrica, antes de ser «rasgada» a Avenida dos Aliados. Parabéns, portanto, à autarquia portuense, por tê-la retirado do local onde estava escondida e a ter implantado num local nobre e lógico.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.