Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Olhar o Porto - CXI (Os putos da Ribeira)

O cenário está montado. A praça da Ribeira a abarrotar de turistas e os rabelos cheios que nem um ovo a marear o circuito das pontes, sobretudo de gente jovem mas também grupos de reformados da estranja. Diz quem sabe que os aviões com viagens baratuchas que aterram no Sá Carneiro da Ryanair foram a galinha dos ovos de oiro para o comércio da beira-rio. Agora também já se compreende a profusão de hotéis “law cost” que estão a abrir na cidade.

 

Diz-se às vezes que a tradição já não é o que era, mas afinal é. Na Ribeira os putos atiram-se à água do Douro fazendo o gáudio dos “camones” que se fartam de clicar nas máquinas fotográficas. Das escadas das padeiras os putos estão-se marimbando para os avisos à navegação do hidrobiólogo Adriano Bordalo e Sá, um craque estudioso do rio  “o estuário do Douro está hiperpoluído”. Se está  não devia estar, mas que diabo as tainhas também têm direito à vida!

 

Um mergulho, mais outro e os ganapos são afinal também um cartaz turístico que sempre nos habituamos a ver ali no Douro num dos locais mais in da cidade. Lá mais p´ra cima no tanque, à Sisa, na Avenida dos Aliados também há por lá mergulhadores de ocasião!...

 

 

   http://youtu.be/ch5DVcZqsu4

 

 

  Fiquem bem, (antonio)

3 comentários

Comentar post