Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Olhar o Porto - XCVI (Que linda era a Praça!...)

Aos domingos fico sempre à cuca para ver o que nos traz no JN Germano Silva sobre o Porto.

Hoje fala-nos do coração da urbe com a fisionomia dos princípios do século XX. O desenvolvimento histórico que faz da Praça Nova precursora da actual Praça da Liberdade é emoldurado com uma imagem soberba legendada "a antiga Câmara com o Porto lá no alto. Que linda era a Praça!..."

Na verdade comungamos em absoluto deste aforismo da beleza daquele espaço que nos contagia, e curvamo-nos perante os arquitectos, mestres escultores e calceteiros daquela época.

A estátua do "Porto" que estava no alto da frontaria da antiga Câmara é longamente dissecada nesta crónica.

Germano Silva que é sempre cauteloso nas críticas vivas lá vai dizendo que não acha nenhuma piada à posição da estátua do "Porto", colocada há alguns anos de costas para a cidade, junto à Casa dos 24 "moderníssima caixa de granito" como irónicamente refere. Mas isto é a tal história, como foi riscada por um batente de arquitectura, Fernando Távora!...

Mas o melhor mesmo para quem gostar destas coisas é cuscar no JN de hoje. Bem tentei trazer para aqui um link da crónica do JN mas não consegui possívelmente por aselhice minha.

 

  Fiquem bem, antonio