Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

Magistério6971

Os autores deste jornal virtual apresentam a todos os visitantes os seus mais cordiais cumprimentos. Será bem-vindo quem vier por bem.

3.º Almoço de Natal

Estimadas e estimados colegas

Restaurante Porto d'Honra

Vamos realizar o 3.º almoço de Natal, como ficou agendado no último, no primeiro sábado do mês de Dezembro de 2017. Venho aqui deixar-vos algumas informações importantes sobre o 3.º Almoço de Natal. Todavia, deixem-me dizer o que já foi feito:
- O evento foi criado no facebook do Magistério, com indicação do dia, do local, do menu e do preço por pessoa: 22 euros.
- Os convites foram enviados para todos os colegas que pertencem a este grupo.
Falta, então, dizer como fazer a inscrição e até quando, não é verdade?

Restaurante Porto d'Honra

 Aqui estão os elementos:

- Só é válida a inscrição efetuada por transferência bancária para a mesma conta do encontro dos 45 anos de curso, ou seja:
NIB - 0035 0310 00007572400 41
IBAN - PT50 0035 0310 00007572400 41
- Depois da transferência efetuada, é necessário deixar passar pelo menos dois dias úteis para enviar uma SMS ou fazer um telefonema para Francisco Rodrigues, a confirmar o nome da ou do colega.
- 19 de Novembro será a data limite para efetuar a inscrição.
Todas as dúvidas poderão ser esclarecidas pelos comentários aqui efetuados ou pelo 919 003 994, Francisco Sousa Rodrigues.
Cumprimentos e até breve.

2.º almoço de Natal

 

DIA DOS IRMÃOS

Faz falta o Dia dos Irmãos? Eles dizem que sim

31 Mai, 2016 - 07:30 • Matilde Torres Pereira

A 31 de Maio celebra-se o Dia dos Irmãos, um dia que é para já uma efeméride informal, mas que a Associação das Famílias Numerosas quer oficializar junto do Parlamento. Para isso, já reuniu milhares de assinaturas.
Ilustração: Freepik

Já há o Dia da Mãe, há o Dia do Pai, há também o Dia dos Avós – que foi entretanto proclamado pela Assembleia da República. O que falta? O Dia dos Irmãos, responde José Ribeiro e Castro, advogado e ex-líder do CDS, um dos promotores que quer fazer do 31 de Maio uma data para celebrar este laço familiar.

“Era a festa que faltava”, afirma à Renascença Ribeiro e Castro. “Porque é a relação mais forte e duradoura ao longo da nossa vida. E também, se pensarmos em tudo o que são os irmãos (os tios, que são os irmãos dos pais; os primos, que são os filhos dos irmãos dos pais e alguns como se nossos irmãos fossem; os sobrinhos, que são filhos dos irmãos, no fundo), é a relação que estrutura uma rede familiar vasta e ampla.”

Outra razão que levou o antigo deputado a apoiar esta causa foi a relação com o irmão, Fernando, fundador da Associação das Famílias Numerosas, já falecido. “Ele pode morrer, mas não se extingue, não desaparece, é uma relação muito forte que tenho na minha vida, uma cumplicidade muito forte, e sou sensível a isso, como outros”.

Para provar isso, a associação pediu a várias figuras públicas que dessem, através da imprensa, o seu testemunho do que é ser irmão. Entre elas encontra-se Pedro Rebelo de Sousa, irmão do Presidente da República, e os irmãos Sá Fernandes. “Os relatos são muito tocantes, são muito fortes na sua autenticidade e genuinidade humana”, descreve Ribeiro e Castro.

O facto de a data se celebrar na véspera do Dia da Criança não é mera coincidência. “É uma espécie de anúncio às crianças relativamente aos seus irmãos, os que já têm e os que vão ter, na linha de uma frase que o meu irmão dizia muitas vezes: ‘Se queres ver uma criança feliz dá-lhe um irmão, se queres ver uma criança muito feliz dá-lhe muitos irmãos’."

O Dia dos Irmãos já existe oficialmente a nível europeu desde 2014, mas o que muita gente não sabe é que “estes dias existem porque a sociedade civil os assume e os afirma e os divulga”, diz o advogado. “O Dia da Mãe ou o Dia do Pai, por exemplo: não há nenhuma lei ou resolução que os tenha proclamado, é uma tradição antiquíssima.”

A adesão a este dia tem crescido, diz Ribeiro e Castro, e a associação acredita que este ano vai crescer ainda mais, com o empurrão das redes sociais e de iniciativas empresariais. A Delta Cafés, por exemplo, decidiu este ano lançar uma edição de pacotinhos de açúcar com referência ao dia, e a CP introduziu novidades para o 31 de Maio. Também o El Corte Inglés se associou ao dia, tal como o Pingo Doce.

Fonte: http://rr.sapo.pt/noticia/55371/faz_falta_o_dia_dos_irmaos_eles_dizem_que_sim